Qualidade de vida de idosos que praticam atividade física

Quality of life of elderly people who practice physical activity

Calidad de vida de idiomas que practican actividad fisica

  • Barbara Lopes Almeida Faculdades Unidas do Norte (FUNORTE) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
  • Maria Eduarda Borém Fernandes Souza Faculdades Unidas do Norte (FUNORTE) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
  • Fernanda Cardoso Rocha Faculdade de Saúde Ibiturna (FASI) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
  • Tatiana Fróes Fernanes Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
  • Christiane Borges Evangelista Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
  • Karine Suene Mendes Almeida Ribeiro Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES) (Montes Claros, Minas Gerais, Brasil)
Palabras clave: Actividad física, Personas de edad avanzada, Calidad de vida, Envejecimiento, Salud
Key-words: Physical activity, Old man, Quality of life, Aging, Cheers
Palavras chave: Atividade física, Idoso, Qualidade de vida, Envelhecimento, Saúde

Resumen

Abstract

Resumo

Bibliografía

1. Cavalli AS, Pogorzelski LV, Domingues MR, Afonso MR, Ribeiro JAB, Cavalli MO. Motivação de pessoas idosas para a prática de atividade física: estudo comparativo entre dois programas universitários – Brasil e Portugal. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia [Internt]; 2014 [acesso em 10 mar 2017]; 17(2): 255-264. Disponível em: http:// www.scielo.br/pdf/rbgg/v17n2/1809-9823-rbgg-17-02-00255.pdf
2. Silva AS, Goulart NBA, Lanferdini FJ, Marcon M, Dias C. P. Relação entre os níveis de atividade física e qualidade de vida de idosos sedentários e fisicamente ativos. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia [Internet]. 2012 [acesso em 10 mar 2017]; 15(4):635-642. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1809-98232012000400004.
3. Mourão AS, Neves DA, Liberalesso A, Fontes K. Estudo da associação entre doenças crônicas naturais do envelhecimento e alterações da deglutição referidas por idosos da comunidade. Audiology- Communication Research [Internet]. 2016 [acesso em 03 mar 2017]; 21(1657):1-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/acr/v21/2317- 6431-acr-2317-6431-2015-1657.pdf
4. Barreto MS, Carreira L, Marcon SS. Envelhecimento populacional e doenças crônicas: Reflexões sobre os desafios para o Sistema de Saúde Pública. Revista Kairós: Gerontologia [Internet]. 2015 [acesso em 11 mar 2017]; 18(1):325-339. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/ index.php/kairos/article/viewFile/26092/18731
5. Campos ANV, Cordeiro EC, Rezende GP, Vargas AMD, Ferreira EF. Qualidade de vida de idosos praticantes de atividade física no contexto da estratégia saúde da família. Texto & Contexto Enfermagem [Internet]. 2014 out-dez [acesso em 11 mar 2017]; 23(4): 889-97. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v23n4/pt_0104-0707- tce-23-04-00889.pdf
6. Gardone DS, Ribeiro SMR, Silva RR, Martino HSD. Impacto da intervenção nutricional na ESF. Nutrire: Revista da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição [Internet]. 2012 [acesso em 11 mar 2017]; 37(3): 245-258. Disponível em: http://sban.cloudpainel. com.br/files/revistas_publicacoes/369.pdf
7. Pedrinelle A, Garcez-Leme LE, Nobre RDSA. O efeito da atividade física no aparelho locomotor do idoso. Revista Brasileira de Ortopedia [Internet]. 2009 [acesso em 12 mar 2017]; 44(2): 96-101. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-36162009000200002.
8. Folstein MF, Folstein SE, & McHugh PR. Mini-Mental State. A practical method for grading the cognitive state of patients for the clinician. Journal of Psychiatry Research [Internet]. 1975 [acesso em 12 mar 2017]; 12(3): 189-198. Disponível em: http://home.uchicago.edu/~tmurray1/research/articles/printed%20and%20read/mini%20 mental%20state_a%20practical%20method%20for%20grading%20 the%20cognitive%20state%20of%20patients%20for%20the%20 clinician.pdf
9. Fleck MPDA, Leal OMF, Louzada SN, Xavier MK, Chachamovich E, Vieira GM, Pinzon V. Desenvolvimento da versão em português do instrumento de avaliação de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde – WHOQOL – 100, 1999. Revista Brasileira de Psiquiatria [Internet]. 1999 [acesso em 21 mar 2017]; 21: 19-28. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/%0D/rbp/v21n1/v21n1a06.pdf
10. Pedroso B. Calculation of scores and descriptive statistics for WHOQOL instruments using Microsoft Excel. Actividad Física y Ciencias [Internet]. 2010 jul-dez [acesso em 21 mar 2017]; 2(2): 1-23. Disponível em: file:///C:/Users/Greg/Downloads/5618-13727-1-PB.pdf
11. Medeiros AP, Streit IA, Sandreschi PF, Fortunato AR, Mazo GZ. Participação masculina em modalidades de atividades físicas de um Programa para idosos: um estudo longitudinal. Ciências & Saúde Coletiva [Internet] 2014 [acesso em 04 nov 2017]; 19(8). Disponível em: https://www.scielosp.org/scielo.php?pid=S1413- 81232014000803479&script=sci_arttext&tlng=en
12. Macedo RM, Oliveira MDRP, Cilião MR, Prosdócimo ACG, de Macedo ACB, França D, Costantini CR.. Nível de atividade física de idosos participantes de um programa de prevenção de doença cardiovascular. Associação Brasileira de Fisioterapia Cardiorespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva Ciência [Internet]. 2016 [acesso em 04 nov 2017]; 6(3): 11-20. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/ rebrafis/article/viewFile/20901/17843
13. Adamo UO, Esper MT, Bastos GCFC, Sousa IF, Almeida RJ. Universidade aberta para a terceira idade: o impacto da educação continuada na qualidade de vida dos idosos. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia [Internet] 2017 [acesso em 26 out 2017]; 20(4): 550-560. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1981- 22562017020.160192
14. Bazzanella NAL, Piccoli JCJ, Quevedo DM. Qualidade de vida percebida e atividade física: um estudo em idosas acima de 80 anos participantes de um programa municipal de saúde da terceira idade na Serra Gaúcha, RS. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento [Internet]. 2015 [acesso em 26 out 2017]; 20(1):249-270. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/RevEnvelhecer/article/viewFile/48949/34933
15. Pinto JM, Neri AL. Trajetórias da participação social na velhice: uma revisão sistemática da literatura. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia [Internet]. 2017 [acesso em 24 out 2017]; 20(2): 260-273. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1981-22562017020.160077
16. Menezes OTM, Lopes MRL. Significados do vivido pela pessoa idosa longeva no processo de morte/morrer e luto. Ciência & Saúde Coletiva [Internet]. 2014 [acesso em 25 out 2017]; 19(8): 3309-3316. Disponível em: https://www.scielosp.org/scielo.php?pid=S1413- 81232014000803309&script=sci_arttext&tlng=en
17. Viana LS, Aguiar MIF, Silva IR, Coutinho NPS, Aquino DMC. Relações sociais e dimensões íntimas de idosos afetados por hanseníase. Cogitare Enfermagem [Internet]. 2015 [acesso em 03 nov 2017]; 20(4): 717-724. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v20i4.41587
18. Tavares DMDS, Matias TGC, Ferreira PCDS, Pegorari MS, Nascimento JS, & Paiva M MD. Quality of life and self-esteem among the elderly in the community. Ciência & Saúde Coletiva [Internet]. 2016 [acesso em 03 nov 2017]; 21(11): 3557-3564. Disponível em: http://dx.doi. org/10.1590/1413-812320152111.03032016
19. Paiva MHP, Pegorari MS, Nascimento JS, Santos ADS.Factors associated with quality of life among the elderly in the community of the southern triangle macro-region, Minas Gerais, Brazil. Ciência & Saúde Coletiva [Internt]. 2016 [ acesso em 03 nov 2017]; 21(11): 3347-3356. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1413- 812320152111.14822015

Novedades
Estadísticas
Cómo citar
1.
Almeida, Barbara Lopes; Souza, Maria Eduarda Borém Fernandes; Rocha, Fernanda Cardoso; Fernanes, Tatiana Fróes; Evangelista, Christiane Borges; Ribeiro, Karine Suene Mendes Almeida. Calidad de vida de idiomas que practican actividad fisica. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental. 2020; 12(1): 466-70. Disponible en: http://ciberindex.com/c/ps/P466470 [acceso: 18/01/2021]
Sección
Pesquisa
Comentarios

DEJA TU COMENTARIO     VER 0 COMENTARIOS

Normas y uso de comentarios


Hay un total de 0 comentarios


INTRODUCIR NUEVO COMENTARIO

Para enviar un comentario, rellene los campos situados debajo. Recuerde que es obligatorio indicar un nombre y un email para enviar su comentario (el email no sera visible en el comentario).

Nombre:
e-mail:
Comentario: