Perfil de exames citopatológicos coletados em estratégia de saúde da família

Profile of cytopathologic exams collected in a family health strategy

Perfil de examenes citopatológicos colectados en estrategia de salud de la familia

  • Carolline Fredes Dias Universidad de Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) (Rio Grande do Sul, Brasil)
  • Vania Celina Dezoti Micheletti Universidad de Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) (Rio Grande do Sul, Brasil)
  • Edegar Fronza Universidade de Caxias do Sul (UCS) (Caxias do Sul, Brasil)
  • Juliana da Silva Alves Universidad de Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) (Rio Grande do Sul, Brasil)
  • Carolinne Vargas Attademo Universidad de Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) (Rio Grande do Sul, Brasil)
  • Márcia Rejane Strapasson Universidad de Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) (Rio Grande do Sul, Brasil)
Palabras clave: Neoplasias del cuello del útero, Cuidados de enfermeira, Salud de la mujer
Key-words: Uterine cervical neoplasms, Nursing care, Women’s health
Palavras chave: Neoplasias do colo do útero, Cuidados de enfermagem, Saúde da mulher

Resumen

Abstract

Resumo

Bibliografía

1. Brasil. Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Controle do câncer do colo do útero: conceito e magnitude [Internet]. Brasília: MS; 2015 [citado em 25 ago 2015]. Disponível em: http://www2.inca.gov.br/wps/wcm/connect/acoes_ programas/site/home/nobrasil/programa_nacional_controle_cancer_ colo_utero/conceito_magnitude.
2. Brasil. Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Estimativa 2014: incidência de câncer no Brasil. Rio de Janeiro: INCA,2014.
3. Datasus. Departamento de Informática do SUS, Brasil. Ministério da Saúde. Indicadores de morbidade: 2012/2013 [Internet]. Brasília: Datasus; 2015 [citado em 25 ago 2015]. Disponível em: http://tabnet. datasus.gov.br/cgi/idb2012/d05_12uff.htm.
4. Datasus. Departamento de Informática do SUS, Brasil. Ministério da Saúde. Indicadores de mortalidade: 2012/2013 [Internet]. Brasília: Datasus; 2015 [citado em 25 ago 2015]. Disponível em: http://tabnet. datasus.gov.br/cgi/tabcgi.exe?idb2012/c10.def.
5. Ricci SS. Enfermagem materno neonatal e saúde da mulher. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan,2012.
6. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Controle dos cânceres de colo uterino e da mama. Brasília: MS,2006.
7. Mendonça VG, Lorenzato FRB, Guimarães MJB, Menezes TC, Mendonça JG. Mortalidade por câncer do colo do útero: características sociodemográficas das mulheres residentes na cidade de Recife, Pernambuco. Rev Bras Ginecol Obstet. 2008; 30(5):248-55.
8. Solé Pla MA, Corrêa FM, Claro IB, Silva MAF, Dias MBK, Bortolon PC. Análise descritiva do perfil dos exames citopatológicos do colo do útero realizados em mulheres indígenas e não indígenas no Brasil, 2008-2011. Rev Bras Cancerol. 2012; 58(3):461-9.
9. Brasil. Ministério da Saúde. Controle dos cânceres do colo do útero e da mama. 2. ed. Brasília: MS,2013.
10. Ramos AL, Silva DP, Machado GMO, Oliveira EN, Lima DS. A atuação do enfermeiro da estratégia saúde da família na prevenção do câncer de colo do útero. Sanare (Sobral, Online) [Internet]. 2014 [citado em 02 set2015]; 13(1):84-91. Disponível em: https://sanare.emnuvens. com.br/sanare/article/download/437/292
11. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Rastreamento. Brasília: MS,2010.
12. Ströher DJ, Aramburu TDB, Abad MAS, Nunes VT, Manfredini V.Perfil citopatológico de mulheres atendidas nas unidades básicas do Município de Uruguaiana, RS. DST J Bras Doenças Sex Transm. 2012; 24(3):167-70.
13. Anjos SJSB, Vasconcelos CTM, Franco ES, Almeida PC, Pinheiro AKB. Fatores de risco para Câncer de Colo do Útero Segundo Resultados de IVA, Citologia e Cervicografia. Rev Esc Enferm USP. 2010; 44(4):912-20.
14. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Cidades [Internet]. Rio de Janeiro: IBGE; 2015. [citado em 20 out 2015]. Disponível em: cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?codmun=432000.
15. Solomon D, Davey D, Kurman R, Moriarty A, O’Connor D, Prey M, Raab S, et al. The 2001 Bethesda System: terminology for reporting results of cervical cytology. JAMA. 2002 Apr 24; 287(16):2114-9.
16. Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012.Disponível em: http://bvsms.saude. gov.br/bvs/saudelegis/cns/2013/res0466_12_12_2012.html.
17. Sousa MS, Canto ASS, Tsutsumi MY, Maciel MC, Zeferino LC. Perfil dos exames citopatologicos do colo do útero realizados no Laboratório Central do Estado do Para, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude. 2011; 2(2):27-32.
18. Casarin MR, Piccoli JCE. Educação em saúde para prevenção do câncer de colo do útero em mulheres do município de Santo Ângelo/ RS. Ciênc Saúde Coletiva. 2011; 16(9):3925-32.
19. Rama CH, Roteli-Martins CM, Derchain SFM, Longatto-Filho A, Gontijo RC, Sarian LOZ, et al. Prevalência do HPV em mulheres rastreadas para o câncer cervical.Rev Saúde Pública. 2008; 42(1):123-30.
20. Moraes MN, Jerônimo CGF.Análise dos resultados de exames citopatológicos do colo uterino. Rev Enferm UFPE on line. 2015; 9(Supl 3):7510-5. 21. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Assistência a Saúde, Instituto Nacional do Câncer. Falando sobre câncer do colo do útero. Rio de janeiro: MS/INCA,2002

Novedades
Estadísticas
Cómo citar
1.
Dias, Carolline Fredes; Micheletti, Vania Celina Dezoti; Fronza, Edegar; Alves, Juliana da Silva; Attademo, Carolinne Vargas; Strapasson, Márcia Rejane. Perfil de examenes citopatológicos colectados en estrategia de salud de la familia. Revista De Pesquisa: Cuidado é Fundamental. 2019; 11(1): 192-8. Disponible en: http://ciberindex.com/c/ps/P111192 [acceso: 23/04/2019]
Sección
Pesquisa
Comentarios

DEJA TU COMENTARIO     VER 0 COMENTARIOS

Normas y uso de comentarios


Hay un total de 0 comentarios


INTRODUCIR NUEVO COMENTARIO

Para enviar un comentario, rellene los campos situados debajo. Recuerde que es obligatorio indicar un nombre y un email para enviar su comentario (el email no sera visible en el comentario).

Nombre:
e-mail:
Comentario: