Automedicação em adolescentes da rede estadual de ensino na cidade de Picos/Piauí

Self-medication in adolescents of the systemeducatinalin the city of Picos/Piauí

Automedicaciónen adolescentes de laredlaenseñanzaenlaciudad de Picos/Piauí

  • Francisco Gilberto Fernandes Pereira Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
  • Maria Risonete de Carvalho Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
  • Iolanda Gonçalves de Alencar Figueiredo Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
  • Danelle da Silva Nascimento Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
  • Claudia Daniella Avelino Vasconcelos Benício Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
  • Jéssica Denise Vieira Leal Universidad Federal de Piauí (UFPI) (Piauí, Brasil)
Palabras clave: Adolescente, Automedicación, Salud del adolescente
Key-words: Adolescent, Self medication, Adolescent health
Palavras chave: Adolescente, Automedicação, Saúde do adolescente

Resumen

Abstract

Resumo

Bibliografía

1. Coelho MTAD, Santos VP, Carmo MBB, Souza AC, França CPX. Relação entre a autopercepção do estado de saúde e a automedicação entre estudantes universitários. Revista Psicologia, Diversidade e Saúde. 2017;6(1):5-13.
2. Silva JAC, Gomes AZ, Oliveira JPS, Sasaki YA, Maia BTB, Abreu BM. Prevalência de automedicação e os fatores associados entre os usuários de um Centro de Saúde Universitário. RevBrasClin Med. 2013;11(1):27-30.
3. Word Health Organization. Medicines: rational use of medicines [Internet]. Geneva: Factsheet n. 338. Media Centre; 2010 [acesso em 2016 Dez 13]. Disponível em: http://www.who.int/mediacentre/ factsheets/fs338/en/
4. Ministério da Justiça (BR). Estatuto da Criança e do Adolescente. 13. ed. Brasília: Câmara, 2015.
5. Abraão RC, Godoy JA,Halpern R. Automedicação e comportamento entre adolescentes de uma cidade do rio Grande do Sul. Aletheia. 2013; 41:134-53.
6. Urbano AZR, Almeida AC, Henrique MP, Santos VG. Automedicação infantil: O uso indiscriminado de medicamentos nas cidades de Santos e São Vicente. Revista Ceciliana. 2010; 2(2):6-8.
7. Abrahão RC, Godoy JA, Halpern R. Automedicação e comportamento entre adolescentes em uma cidade do Rio Grande do Sul.Aletheia. 2013;41:134-53.
8. Pereira Neto A, Barbosa L, Muci S.Internet, geração Y e saúde: um estudo nas comunidades de Manguinhos (RJ). Rev. Comun. e Inf.2016;19(1): 20-36.
9. Silva IRO, Salles LMF, Adolescente em liberdade assistida e a escola. Estudos de Psicologia. 2011;28(3): 353-62.
10. Bergmann G.G,Bertoldi AD, Mielke GI, Camargo AL, Matijasevich A,Hallal PC. Atividade física, tempo de tela e utilização de medicamentos em adolescentes: coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 1993. Cad. Saúde Pública. 2016;32(4):1-12.
11. Freitas RF, Freitas TF, Damasceno EMA, Pinheiro TAA.Automedicação e os riscos que esta prática representa para a saúde da população. LecturasEducación Física y Deportes. 2013;17(1):1-1.
12. Silva MVS, Trindade JBC, Oliveira CC, Mota GS, Carnielli L, Silva MFJ, et al. Consumo de medicamentos por estudantes adolescentes de Escola de Ensino Fundamental do município de Vitória. Rev. Ciênc. Farm. Básica Apl. 2009;30(1):99-104.
13. Duarte DPS,Malta Junior A. Perfil da automedicação em farmácia dispensação em Barbalha CE. Revista e-ciência. 2015;3(2):66-73.
14. Silva IM,Catrib AMF, Matos CV, Gondim APS. Automedicação na adolescência: um desafio para a educação em saúde. Ciênc. Saúde Coletiva. 2011;16(1):1651-60.
15. Mayolo T, Fernandes LC. Análise da prática de automedicação em uma drogaria de arroio do Meio-RS. Revista Destaques Acadêmicos. 2012; 4(3):7-18.
16. Morgado AM, Dias MLV.Comportamento antissocial na adolescência: o papel de características individuais num fenómeno social. Psicologia, Saúde e Doenças. 2016: 17(1):15-22.
17. Patias ND,Gabriel MR, Dias ACG. A família como um dos fatores de risco e de proteção de gestação e maternidade na adolescência Revista estudos e pesquisas em psicologias. 2012;13(2):586-610.
18. Costa, M, Mota, CP. Configuração familiar, género e coping em adolescentes: Papel dos pares. Psicologia em Estudo. 2012;17(4):567- 75.
19. Coutinho RZ, Ribeiro PM. Religião, religiosidade e iniciação sexual na adolescência e juventude: lições de uma revisão bibliográfica sistemática de mais de meio século de pesquisas. R. bras. Est. Pop. 2014;31(2):333-65.
20. Guidotti VHR, A influência da religião nas escolas: breve contraste entre o Fato Social de Durkheim e Ação Social de Weber como aporte metodológico.Revista Café Com Sociologia. 2014;3(3)107-23.
21. Eliker E, Palazzo LS, Aerts DRGC, Alves GG, CâmaraS.Uso de álcool, tabaco e outras drogas por adolescentes escolares de Porto Velho-RO, Brasil. Epidemiol. Serv. Saúde. 2015;24(3):399-410.
22. Malta MOP, MachadoI IE, Porto DL, SilvaMMA, Freitas PC, Costa AWN.Consumo de álcool entre adolescentes brasileiros segundo a Pesquisa Nacional de Saúde Escolar (PeNSE 2012).RevBrasEpidemiol. 2014; SupplPeNSE: 203-14.
23. Lobo LA, Babosa MC.Alcool e drogas: um problema vivido por adolescentes usuarios em um municipio do sudeste da Bahia. Revista id Online Muldiciplinar de Psicologia. 2017;10(33):32-42.
24. Arruda EL,Arruda RL, Souza LT, Mariano WS.Automedicacao: verificacao em estudantes universitarios da Universidade Federal do Tocantins . UFT Araguaina. Ensaio e CienciaCiencia Agrarias, Biologicas e da Saude. 2011;15(6):21-31.
25. FeitozaTB,Felix FS, Silva FCT.Percepcao de alunos de escola publica sobre o uso de medicamentos para melhorar o desempenho nos estudos. Revista Interfaces: Saude, Humanas e Tecnologia. 2014;2(6):1- 5.
26. Amaral MOP, Lages AMB, Sousa LBO, Almeida LCM, Santos MJL, Dias MA, Silva DM, Pereira CMF.(2014). Automedicacao em Jovens e Adultos da Regiao Centro de Portugal. Millenium. 2014; 47:97]109.
27. Lucas EAJCF, Santos AEV, Sodre VRD, Veiga ME.A problematica da automedicacao na infancia. Rev. enfermagem brasil. 2015;14(2):98-8.
28. Aquino DS, Barros JAC, Silva MDP. A automedicacao e os academicos da area de saude. Cienc. Saude Coletiva. 2010;15(5):2533-38.
29. Prolungatti CN, Garcia RCSR, Cintra SMP, Analio RIR, Pires OC. Use of analgesic and anti-inflammatory drugs before assistance in a childrenfs first aid unit. Rev. dor. 2014;15(2): 96-9.
30. Santos PNM, Freitas RF, Eduardo AMLN. Automedicacao infantil: conhecimento e motivacao dos pais. Revista Multitexto. 2015;3(01):65- 72.
31. Duarte SJH, Ferreira SF, Santos NC. desafios de enfermeiros da estrategia saude da familia na implantacao do programa saude do adolescente. Rev. eletronica enferm. 2013;15(2):479-86.
32. Santos RC, Borges M, Silva LC, Marques LAM.A importancia do farmaceutico para o uso racional de medicamentos em criancas e adolescentes. Rev.Saude. 2013;9(4):253-63.
33. Silva RCG, Oliveira TM, Casimiro TS, Vieira KAM, Tardivo MT, Faria Junior M, Restini CBA. Automedicacao em academicos do curso de medicina. Revista Medicina. 2012;45(1):5-11.
34. Batista AM, Carvalho MCRD. Avaliacao da propaganda de medicamentos veiculada em emissoras de radio. Cienc. Saude Coletiva. 2013;18(2):553-61

Novedades
Estadísticas
Cómo citar
1.
Pereira, Francisco Gilberto Fernandes; Carvalho, Maria Risonete de; Figueiredo, Iolanda Gonçalves de Alencar; Nascimento, Danelle da Silva; Benício, Claudia Daniella Avelino Vasconcelos; Leal, Jéssica Denise Vieira. Automedicaciónen adolescentes de laredlaenseñanzaenlaciudad de Picos/Piauí. Revista De Pesquisa: Cuidado é Fundamental. 2019; 11(1): 59-6. Disponible en: http://ciberindex.com/c/ps/P111059 [acceso: 25/08/2019]
Sección
Pesquisa
Comentarios

DEJA TU COMENTARIO     VER 0 COMENTARIOS

Normas y uso de comentarios


Hay un total de 0 comentarios


INTRODUCIR NUEVO COMENTARIO

Para enviar un comentario, rellene los campos situados debajo. Recuerde que es obligatorio indicar un nombre y un email para enviar su comentario (el email no sera visible en el comentario).

Nombre:
e-mail:
Comentario: