Notificaciones de lesiones de piel en un Hospital Universitario

Notifications of skin lesions at a University Hospital

  • Valdenir Almeida da Silva Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
  • Rosana Santos Mota Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
  • Andreia Santos Mendes Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
  • Angela de Souza Barros Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
  • Lívia Mara Batista Xavier Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
  • Cristiane Marques de Carvalho Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, Universidade Federal da Bahía (Bahía, Brasil)
Palabras clave: Eventos adversos, Seguridad del paciente, Notificación, Lesión por presión, Hospitales universitarios
Key-words: Adverse events, Patient safety, Notification, Pressure injury, University hospitals

Resumen

Abstract

Bibliografía

1. Favreto FJL, Betiolli SE, Silva FB, Campa A. O papel do enfermeiro na prevenção, avaliação e tratamento das lesões por pressão. RGS 2017; 17(2):37-47.
2. Chavaglia SRR, Barduchi RIO, Ferreira LA, Santiago VR, Abdanur AF, Soares AS. Caracterização de pacientes com lesão cutânea em unidades de internação médica e cirúrgica. Rev enferm UFPE on line 2015; 9(1):183-92.
3. Mittag BF, Krause TCC, Roehrs H, Meier MJ, Danski MTR. Cuidados com Lesão de Pele: Ações da Enfermagem. ESTIMA 2017; 15(1): 19-25.
4. Moraes JT, Borges EL, Lisboa CR, Cordeiro DCO, Rosa EG, Rocha NA. Conceito e classificação de lesão por pressão: atualização do National Pressure Ulcer Advisory Panel. Enferm Cent O Min 2016; 6(2):2292-306.
5. Jiang Q, Li X, Qu X, Liu Y, Zhang L, Su C, et al. The incidence, risk factors and characteristics of pressure ulcers in hospitalized patients in China. IJCEP 2017; 7(5):2587-94.
6. Lima PR, Damacena DEL, Neves VLS, Campos RBN, Silva FAA, Bezerra SMG. Ocorrência de lesão por pressão em pacientes hospitalizados: uma revisão integrativa. Rev UNINGÁ Review 2017; 32(1): 53-67.
7. Mattos RM, Mello FBS, Araújo AKC, Gomes GMS, Vasconcelos LDS, Souza LDT. Educação em saúde aos trabalhadores de enfermagem e acompanhantes sobre prevenção e tratamento de lesões de pele em dois hospitais de Petrolina-PE. Interfaces - Revista de Extensão 2015; 3(1): 22-32.
8. Grden CRB, Ivastcheschen T, Cabral LPA, Reche PM, Oliveira DAS, Bordin D. Lesões de pele em idosos hospitalizados. ESTIMA, Braz. J. Enterostomal Ther 2018; 16(e4118).
9. Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Nota Técnica GVIMS/GGTES No 03/2017. Práticas seguras para prevenção de Lesão por Pressão em serviços de saúde. Disponible en http://portal.anvisa.gov.br/documents/33852/271855/Nota+T%C3%A9cnica+GVIMS-GGTES+n%C2%BA+03-2017/54ec39f6-84e0-4cdb-a241-31491ac6e03e [acceso: 06/11/ 2019].
10. Sousa P, Uva AS, Serranheira F, Nunes C, Leite ES. Estimating the incidence of adverse events in Portuguese hospitals: a contribution to improving quality and patient safety. BMC Health Serv Res 2014;14: 311.
11. Göttems LBD, Santos MLG, Carvalho PA, Amorim FF. A study of cases reported as incidents in a public hospital from 2011 to 2014. Rev Esc Enferm USP 2016;50(5):861-7.
12. World Health Organization (WHO). More than words. Conceptual Framework for the International Classification for Patient Safety. Final Technical Report. Version 1.1. Report. Geneva: WHO 2009. Disponible en http://www.who.int/about/copyright/en/
[acceso: 18/03/2020]
13. Furini ACA, Nunes AA, Dallora MELV. Notificação de eventos adversos: caracterização dos eventos ocorridos em um complexo hospitalar. Rev Gaúcha Enferm 2019; 40(spe, e20180317).
14. Severo E, Righi EM, Gaspar MDR, Trianoski D. Educação em Saúde frente à segurança do paciente: a epistemologia do Gerenciamento de Risco. In: II Congresso Internacional de Educação de Ponta Grossa, Paraná, Brasil, 2010. Disponível em www.isapg.com.br/2010/ciepg/download.php?id=156 [acesso 22/02/2015].
15. Chibante CLP, Santo FHE, Santos TD. Perfil de clientes hospitalizados com lesões cutâneas. Rev cuba enferm 2015; 31(4).
16. Martins DA, Souza AM. O perfil dos clientes portadores de úlceras varicosa cadastrados em programas de saúde pública. Cogitare enferm 2007; 12: 353-7.
17. Brasil. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) [homepage na internet]. População residente, por cor ou raça, segundo a situação do domicílio, o sexo e a idade. Disponible en https://sidra.ibge.gov.br/Tabela/3175 [acceso: 23/10/2019].
18. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa. Departamento de Apoio à Gestão Participativa e ao Controle Social. Política Nacional de Saúde Integral da População Negra: uma política para o SUS - 3. ed. Brasília : Editora do Ministério da Saúde 2017: 44.
19. Bezerra AF, Silva JB, Silva JSN, Vigolvino LP, Meneses LBA. Lesões de pele em idosos hospitalizados: estudo de ocorrência. Anais do IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano; 2015 Set 21-26; Campina Grande. 2015; 2(1).
20. Proqualis/Instituto de Comunicação Científica e Tecnológica em Saúde/Fiocruz, 2014. Disposible en https://proqualis.net/indicadores/incid%C3%AAncia-de-%C3%BAlcera-por-press%C3%A3o-upp [acceso: 06/11/2019].
21. Saldanha OCA, Trancoso FG, Leite EC, Paulo MSL, Tieppo A, Devens LT, et al. Elaboração de um protocolo de prevenção de úlcera por pressão. Salus J Health Sci 2016; 2(2):48-63.
22. Nascimento DC, Ferreira GAS, Silva JML, Pioli MT, Decio MRM. Registro de lesão por pressão: O que é abordado? Revista HUPE 2016; 15(4): 343-8.
23. Galvão NS, David Neto L, Oliveira APP. Aspectos epidemiológicos e clínicos de pacientes com úlcera por pressão internados em uma instituição hospitalar 2015; 13(3).
24. Pereira AFM, Beserra WC, Pereira MCC, Andrade EMLR, Luz MHBA. Incidência de lesão por pressão em um hospital universitário. Rev Enferm UFPI 2017; 6(1):36-9.
25. Rocha Neta AP, Cavalcante TB, Lima ABS, Maciel SM, Miranda SM, Sousa ARA. Caracterização Epidemiológica e Clínica de Crianças com Lesões por Pressão. Rev. Enferm. Atual 2018; 86.
26. Pancorbo-Hidalgo PL, García-Fernández FP, Pérez-López C, Agreda JJS. Prevalencia de lesiones por presión y otras lesiones cutáneas relacionadas con la dependencia en población adulta en hospitales españoles: resultados del 5º Estudio Nacional de 2017 Gerokomos. 2019; 30(2):76-86.

Novedades
Estadísticas
Cómo citar
1.
Almeida da Silva, Valdenir; Santos Mota, Rosana; Santos Mendes, Andreia; de Souza Barros, Angela; Batista Xavier, Lívia Mara; Marques de Carvalho, Cristiane. Notificaciones de lesiones de piel en un Hospital Universitario. Evidentia. 2020; 17: e12801. Disponible en: http://ciberindex.com/c/ev/e12801 [acceso: 22/10/2020]
Sección
Originales
Comentarios

DEJA TU COMENTARIO     VER 0 COMENTARIOS

Normas y uso de comentarios


Hay un total de 0 comentarios


INTRODUCIR NUEVO COMENTARIO

Para enviar un comentario, rellene los campos situados debajo. Recuerde que es obligatorio indicar un nombre y un email para enviar su comentario (el email no sera visible en el comentario).

Nombre:
e-mail:
Comentario: