Prácticas integradoras y complementarias: contribuciones al papel de las enfermeras en la estrategia de salud familiar

Cross- Integrative and complementary practices: Contributions to the role of nurses in the Family Health Strategy

  • Mirna Neyara Alexandre de Sá Barreto Marinho Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
  • Maria Rocineide Ferreira da Silva Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
  • Raimundo Augusto Martins Torres Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
  • Lucilane Maria Sales da Silva Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
  • Ana Karoline Barros Bezerra Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
  • André Ribeiro de Castro Júnior Programa de Pós-Graduação Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde (PPCCLIS) – Universidade Estadual do Ceará (UECE) (Fortaleza, CE, Brasil)
Palabras clave: Terapias complementarias, Estrategia de salud familiar, Enfermería
Key-words: Complementary therapies, Family health strategy, Nursing

Resumen

Abstract

Bibliografía

1. Oliveira Reis, Barbara; Rodrigues Esteves, Larissa; Greco, Rosangela Maria. Avanços e desafios para a implementação das práticas integrativas e complementares no Brasil. Rev. APS. 2018 jul/set; 21(3):355-364. Disponível em https://periodicos.ufjf.br/index.php/aps/article/view/16383. [acesso 03/12/2019].
2. Fortes Salles, Léia; Bel Homo, Rafael Fernandes; Paes da Silva, Maria Júlia. Práticas integrativas e complementares: Situação do seu ensino na graduação de enfermagem no Brasil. Revista saúde, 2014; v. 8, n.3-4:37-44. Disponível em http://revistas.ung.br/index.php/saude/article/view/2005. [acesso 04/12/2019].
3. Costa Matos, Pollyane; Rodrigues Laverde, Carolina; Gomes Martins, Priscila; Martins de Souza, Juliana; Ferreira de Oliveira, Nunila; Pilger, Calíope. Práticas integrativas e complementares na atenção primária à saúde. Cogitare Enferm. 2018; (23)2:1-8. Disponível em https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/54781. [acesso 03/12/2019].
4. Soares Ferreira Calado, Raíssa; Oliveira Braz da Silva, Adrielly Augusta; Lopes Oliveira, Diego Augusto; Menezes Silva, Gêssyca Adryene et al. Ensino das práticas integrativas e complementares na formação em enfermagem. Rev enferm UFPE on line., Recife, 13(1):261-7, jan., 2019. Disponível em https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/237094. [acesso 27/11/2019].
5. Práticas integrativas e complementares de saúde no cuidado [editorial]. Rev Enferm UFSM 2016 Jan./Mar.; 6 (1):1-2. Disponí-vel em https://periodicos.ufsm.br/reufsm/article/viewFile/21571/pdf. [acesso 29/11/2019].
6. Azevedo, Cissa; Castro Moura, Caroline; Pinheiro Corrêa, Hérica; Ferreira da Mata, Luciana Regina; Lopes Chaves, Érika de Cássia; Machado Chianca, Tânia Couto. Práticas integrativas e complementares no âmbito da enfermagem: aspectos legais e panorama acadêmico-assistencial. Esc Anna Nery 2019; 23 (2):1-9. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1414-81452019000200226&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. [acesso 07/12/2019].
7. Dalcanale Tesser, Charles; Carvalho de Sousa, Islândia Maria; Cabral do Nascimento, Marilene. Práticas integrativas e com-plementares na atenção primária à saúde brasileira. Saúde debate, Rio de Janeiro, v. 42, número especial 1, p. 174-188, setembro de 2018. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0103-11042018000500174&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. [acesso 05/12/2019].
8. Sena Barbosa, Fernanda Elizabeth; Lisboa Guimarães, Maria Beatriz; Santos, Carlos Renato; Benjamin Bezerra, Adriana Falangola; Dalcanale Tesser, Charles; Carvalho de Sousa, Islândia Maria. Oferta de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde na Estratégia Saúde da Família no Brasil. Cad. Saúde Pública 2020; 36(1):1-9. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2020000105006. [acesso 24/01/2020].
9. Brasil. Câmara dos deputados. Projeto de lei 2821. Dispõe sobre a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) e altera a Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, para incluir as Práticas Integrativas e Complementares no campo de atuação do SUS. 2019. Disponível em https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra;jsessionid=7B6FA376B07691ABB30607E9EAC8AE57.proposicoesWebExterno2?codteor=1753405&filename=Avulso+-PL+2821/2019. [acesso 04/12/2019].
10. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN 197/1997. Disponível em http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-1971997_4253.html. [acesso 08/12/2019].
11. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN 581/2018. Disponível em http://www.cofen.gov.br/resolucao-cofen-no-581-2018_64383.html. [acesso 08/12/2019].
12. Brasil. Ministério da Saúde. Gabinete do Ministro. Portaria nº 702, de 21 de março de 2018. Altera a Portaria de Consolidação nº 2/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para incluir novas práticas na Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares - PNPIC. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2018/prt0702_22_03_2018.html. [acesso 23/01/2020].
13. Senger Mendes, Dayana; Santos de Moraes, Fernanda; Oliveira Lima, Gabrielli; Ramos da Silva, Paula et al. Benefícios das práticas integrativas e complementares no cuidado de enfermagem. Journal Health NPEPS. 2019 jan-jun; 4(1):302-318. Disponível em https://periodicos.unemat.br/index.php/jhnpeps/article/view/3452. [acesso 24/01/2020].
14. Costa Felipe Santiago, Maria Elizabeth. Práticas integrativas e complementares: a enfermagem fortalecendo essa proposta. Uniciências, v. 21, n. 1, p. 50-54, 2017. Disponível em https://revista.pgsskroton.com/index.php/uniciencias/article/view/4646. [acesso 05/12/2019].
15. Pereira Soares, Daniele; Moreira Coelho, Ariane; Abrantes da Silva, Luiz Eduardo; Jesus Rocha da Silva, Raquel; Rolim de Figueiredo, Camila; Costa Fernandes, Marcelo. Política nacional de práticas integrativas e complementares em saúde: discurso dos enfermeiros da atenção básica. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro 2019; 9/3265. Disponível em http://seer.ufsj.edu.br/index.php/recom/article/view/3265. [acesso 05/12/2019].
16. Brito, Sherindan; Barros, C; Sá, Marcos; Foureaux, Giselle et al. Percepção de alunos quanto ao uso dos mapas conceituais como estratégia facilitadora para a aprendizagem da anatomia humana. Revista espacios. v. 38, n 20, ano 2017. 1-13. Disponível em https://www.revistaespacios.com/a17v38n20/a17v38n20p26.pdf. [acesso 04/12/2019].
17. Valdez Machado, Aniele; Silva da Silva, André Luís. Proposta didático-pedagógica ao ensino de química à luz de uma relação processual entre aprendizagem significativa, mapas conceituais e história da ciência. Revista Di@logus, Cruz Alta, v. 7, n. 2, p. 63-78; maio/agos. 2018. Disponível em http://revistaeletronica.unicruz.edu.br/index.php/Dialogus/article/view/6889. [acesso 03/12/2019].
18. Valadão Alves Kebian, Luciana; Acioli de Oliveira, Sônia. Práticas de cuidados de enfermeiros e agentes comunitários de saúde da Estratégia Saúde da Família. Cienc Cuid Saude. 2015 Jan/Mar; 14 (1):893-900 Disponível em http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/22466. [acesso 02/12/2019].
19. Gonzalez Martins de Magalhães, Mariana; Titonelli Alvim, Neide Aparecida. Práticas integrativas e complementares no cui-dado de enfermagem: um enfoque ético. Esc. Anna Nery vol.17 no.4 Rio de Janeiro Sept./Dec. 2013:646-653. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-81452013000400646. [acesso 25/01/2020].
20. Almeida, Juliane Rosalia; Santos Vianini, Márcia Carolina; Silva, Danila Maria; Almeida Meneghin, Rodolfo; Souza, Gilber-to; Resende, Márcio Antônio. O enfermeiro frente às práticas integrativas e complementares em saúde na estratégia de saúde da família. Revista Eletrônica Acervo Saúde. n. 18 (2019): volume suplementar: 1-7. Disponível em https://acervomais.com.br/index.php/saude/article/view/77. [acesso 01/12/2019].
21. Telesi Júnior, Emílio. Práticas integrativas e complementares em saúde, uma nova eficácia para o SUS. Estudos avançados, 30 (86), 2016: 99-112. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142016000100099. [acesso 03/12/2019].
22. Morais Seabra Vieira Lima, Karla; Silva, Kênia Lara; Dalcanale Tesser, Charles. Práticas integrativas e complementares e relação com promoção da saúde: experiência de um serviço municipal de saúde. Interface (Botucatu) [online]. 2014, vol.18, n.49, pp.261-272. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=s1414-32832014000200261&script=sci_abstract&tlng=pt. [acesso 04/12/2019].
23. Dias de Mello Pereira, Raphael; Oliveira da Silva, Wagner Washington; Cavalcante Ramos, Josemere; Titonelli Alvim, Neide Aparecida; Dayube Pereira, Cláudia; Rodrigues Rocha, Tallyta. Práticas integrativas e complementares de saúde: Revisão integrativa sobre medidas não farmacológicas à dor oncológica. Rev enferm UFPE on line., Recife, 9(2):710-7, fev., 2014. Disponível em https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1016359. [acesso 28/11/2019].

Novedades
Estadísticas
Cómo citar
1.
Alexandre de Sá Barreto Marinho, Mirna Neyara; Ferreira da Silva, Maria Rocineide; Martins Torres, Raimundo Augusto; Sales da Silva, Lucilane Maria; Barros Bezerra, Ana Karoline; Ribeiro de Castro Júnior, André. Prácticas integradoras y complementarias: contribuciones al papel de las enfermeras en la estrategia de salud familiar. Enfermería Comunitaria. 2020; 16: 1-. Disponible en: http://ciberindex.com/c/ec/e12767 [acceso: 26/10/2020]
Sección
Revisiones
Comentarios

DEJA TU COMENTARIO     VER 0 COMENTARIOS

Normas y uso de comentarios


Hay un total de 0 comentarios


INTRODUCIR NUEVO COMENTARIO

Para enviar un comentario, rellene los campos situados debajo. Recuerde que es obligatorio indicar un nombre y un email para enviar su comentario (el email no sera visible en el comentario).

Nombre:
e-mail:
Comentario: